Projeto oferece conteúdos gratuitos sobre as Olimpíadas de Tóquio para as escolas

Lançado no Dia Olímpico, site reúne aulas digitais, cursos e desafios com premiação para professores.

Os Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Tóquio acontecem de 23 de julho a 5 de setembro. Como de costume, escolas do mundo todo irão celebrar o evento de forma interdisciplinar. Crianças e adolescentes aprenderão, por exemplo, novos esportes nas aulas de Educação Física, e a História e a Geografia dos países participantes.

Esportes Para Olímpicos, Integração Social

 

No Brasil, o Impulsiona e o Ministério da Educação acabam de lançar o projeto “Tóquio 2020 nas suas aulas“. O site reúne conteúdos prontos para os professores exibirem no ensino presencial ou remoto, cursos certificados pelas confederações esportivas e um desafio nacional. Ao todo, são mais de 100 materiais gratuitos. “O Impulsiona é legado dos Jogos Rio 2016. Nascemos com o objetivo de apoiar os professores trabalharem os valores dos esportes de forma integral com os seus alunos”, explica Vanderson Berbat, diretor da iniciativa. “Hoje, somos o maior programa de educação Olímpica e Paralímpica do mundo, com mais de 150 mil professores cadastrados. Chegou a hora de construirmos a ponte com os Jogos do Japão.”

 

Tóquio 2020 nas suas aulas oferece desde formas lúdicas de praticar modalidades pouco populares no Brasil, como hóquei, beisebol e rubgy, passando pelo significado de símbolos como os Aros Olímpicos e os mascotes, e chegando a conteúdos mais complexos como combate ao doping, participação das mulheres nos Jogos e inclusão de pessoas com deficiência no esporte. Os materiais são recomendados para alunos do Ensino Fundamental e Médio e seguem as orientações da BNCC.

“Lançamos o projeto em 23 de junho, no Dia Olímpico, e encerraremos no último dia dos Jogos Paralímpicos”, explica Renato de Oliveira Brito, Diretor de Formação Docente e Valorização dos Profissionais da Educação do MEC. “Fizemos uma boa combinação entre teoria e prática. No desafio escolar, por exemplo, alunos e professores conhecerão a evolução da Tocha ao longo dos anos. Em seguida, deverão construir a sua própria tocha, sustentável, com materiais recicláveis e alternativos. No final, teremos uma premiação para os trabalhos mais criativos.”

A expectativa do Ministério da Educação e do Impulsiona é de que 30 mil professores utilizem os materiais, disponíveis gratuitamente no site: https://impulsiona.org.br/toquio-2020-nas-suas-aulas/  


Assessoria de Comunicação Social do MEC com informações da SEB

Imagem e ilustração: Pixabay

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support